Planos de Saúde da Unimed terão reajuste de 15,2% a partir de 1º de agosto

Os professores usuários do plano de saúde da Unimed terão seus contratos reajustados em 15,2% a partir de 1º de agosto. O índice foi autorizado pela assembleia do dia 6 de junho.

Após várias rodadas de negociação junto à Unimed chegamos ao índice de reajuste considerado limite pelos professores. “Analisamos que a negociação foi vitoriosa, se considerarmos que a proposta inicial era de 21% de reajuste. O índice ficou também abaixo da inflação médica que era superior a 18%”, disse André Campos, diretor do Sinpro Campinas e Região responsável pelas negociações.

O percentual de coparticipação para consultas e exames foi mantido em 30%, com teto máximo de R$ 320,32 de gasto por mês.

O boleto com o novo valor, com reajuste de 15,2%, virá somente no mês de agosto.

Fonte: Sinpro Campinas e Região

Artigos relacionados

Notícias

Eleição Apropucc: Chapa “Valorizar o Professor, Fortalecer a Profissão” é eleita com 96,4% de aprovação

Depois de uma semana intensa de eleição para escolha da nova diretoria da Apropucc, a apuração dos votos começou na tardedesta sexta-feira (10) e terminou por volta das 18h30. Do

Notícias

Nota da Apropucc sobre episódio envolvendo Movimento Estudantil da PUCC

A Apropucc recebeu com surpresa a notícia de que alunos desta Universidade foram constrangedoramente filmados durante assembleia pelo setor de segurança e acionados judicialmente, em uma ação desproporcional, por parte

Notícias

Seminário: O Centenário da Greve Geral e o Arquivo Edgard Leuenroth/Unicamp

O AEL (Arquivo Edgard Leuenroth) da Unicamp está organizando o seminário “GREVE GERAL DE 1917 – O Centenário da Greve Geral e o Arquivo Edgard Leuenroth”. Será quarta-feira (28), das

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!