Contee e UNE realizam ‘Jornada contra a mercantilização e em defesa da educação pública’

A Contee e a UNE vão realizar juntas, entre 19 de fevereiro e 2 de março, a “Jornada contra a mercantilização e em defesa da educação pública”. A ação visa a mobilizar estudantes, professores, auxiliares e técnicos administrativos na luta contra a reforma trabalhista, as demissões em massa nos estabelecimentos de ensino superior — como as ocorridas no fim do ano passado — e a privatização e mercantilização da educação no país.

As entidades estão disponibilizando o panfleto abaixo para esclarecer a sociedade sobre a necessidade de defesa da educação como setor estratégico para o desenvolvimento soberano no Brasil. O documento retoma também a luta em prol da criação do Instituto Nacional de Supervisão e Avaliação da Educação Superior (Insaes), uma reivindicação da Contee e da UNE cuja tramitação se encontra paralisada desde 2015 no Congresso Nacional.

As federações e sindicatos filiados à Contee podem baixar o arquivo do panfleto e acrescentar seus respectivos logotipos em adesão a essa jornada e a essa luta, divulgando-a nas instituições de ensino privadas de cada estado e município.

Educação não é mercadoria!

Baixe o panfleto:

Fonte: Contee

Artigos relacionados

informativos

Agora são 10 as escolas ocupadas em Campinas

Subiu para 10 o número de escolas estaduais, em Campinas, ocupadas por alunos contrários à reorganização proposta pelo governo do estado. Na manhã desta quinta-feira (26), alunos das escolas E.

informativos

Entidades denunciam retirada de verbas das áreas de educação e CT&I

As entidades abaixo relacionadas, que representam comunidades acadêmicas, científicas, tecnológicas e de inovação, vêm a público denunciar a operação vergonhosa feita pelo Congresso Nacional na Lei Orçamentária Anual – LOA

informativos 0 comentários

Na luta por uma Universidade Democrática, um país e um mundo melhor

Em 2014, a agenda da entidade esteve bem cheia de eventos e atividades em parceria com a Caci, o Sinpro e as Faculdades de Educação, Ciências Sociais e Serviço Social.

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!