Reforma do Ensino derruba artigo 318 da CLT e altera jornada de trabalho

Reforma do Ensino derruba artigo 318 da CLT e altera jornada de trabalho

Na última sexta-feira (17), foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) a Lei nº 13.415/17, que compete à reforma do Ensino Médio e modifica o art. 318 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). Anteriormente, o texto estabelecia que professores (as) só poderiam lecionar, num mesmo estabelecimento de ensino, até quarto aulas consecutivas e seis intercaladas.

Agora, com a mudança, os docentes podem trabalhar mais de seis horas numa mesma instituição sem incidência de horas-extras. A redação do artigo ficou da seguinte forma: “O professor poderá lecionar em um mesmo estabelecimento por mais de um turno, desde que não ultrapasse a jornada de trabalho semanal estabelecida legalmente, assegurado e não computado o intervalo para refeição.” (NR).

Leia mais sobre o assunto em: Por que o artigo 318 da CLT foi alterado recentemente?

Fonte: Sindicato dos Professores no Distrito Federal (Sinproep)

Artigos relacionados

Notícias

Sinpro Campinas: Professores demitidos da PUC-Campinas conquistam revisão de valores

Os professores da PUC-Campinas demitidos sem justa causa, entre 6 de dezembro de 2012 e 30 de junho de 2017, que fizeram as homologações da rescisão do contrato de trabalho

Notícias

Boaventura de Sousa Santos destrincha o assédio neoliberal às universidades

“A ideia de que o único valor do conhecimento é o valor de mercado é o que irá matar a universidade. Uma universidade que é ‘sustentável’ porque financia a si

Notícias

Ato marca Dia Internacional de Luta da Mulher

Hoje, 8 de março, a partir das 16h, em frente à Catedral, acontece o grande ato do Dia Internacional de Luta da Mulher em Campinas sob o lema “Nenhuma a

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!