Apropucc convoca professores e professoras para o “Dia do Basta”

Dia_basta_10_agosto_2018Organizado pelas Centrais Sindicais e as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo , o “Dia do Basta!” tem como objetivo paralisar os locais de trabalh e mobilizar as bases sindicais e os movimentos sociais em manifestações de protesto contra o desemprego crescente, contra a retirada de direitos da classe trabalhadora, contra as privatizações, pela revogação da Emenda Constitucional 95 (EC 95), a revogação da reforma trabalhista e a revogação da lei que libera a terceirização irrestrita. Além de alertar sobre a ameaça da Reforma da Previdência e os ataques à Democracia e ao Estado Democrático de Direito.

Em Campinas, a manifestação acontece no Largo do Rosário, às 16h. Curta a página do “Dia do Basta” e aceite a convocação das centrais e movimentos populares confirmando presença no evento do Facebook, clique aqui.

Estaremos nas ruas protestando contra os grandes retrocessos propostos pelo governo Temer.

Professor, professora, participe das manifestações e lute pelos seus direitos!

Protesto em São Paulo

Em São Paulo, as centrais e os movimentos populares marcaram a concentração para o ato a partir das 10h, na Avenida Paulista, região central, em frente ao prédio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

 

 

Fonte: Centrais Sindicais

 

Artigos relacionados

Notícias

Conhecimento Sem Cortes

Foi lançando o movimento “Conhecimento Sem Cortes”, de várias universidades e agências de fomento à pesquisa,  contra os cortes no orçamento das universidades públicas e da ciência e tecnologia. Conhecimento

Notícias

Dossiê Reforma Trabalhista

O presente documento pretende contribuir para o debate sobre a reforma trabalhista em curso no Brasil. Para isso, busca analisar as principais propostas de alteração da legislação trabalhista e discutir

Notícias 0 comentários

A História da Riqueza do Homem

O professor, Coordenador-Técnico do CES,  ex-Presidente da CONTEE e do SINPRO Campinas, Augusto César Petta, resenhou o livro do jornalista e escritor marxista norte-americano Leo Huberman intitulado “História da Riqueza

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!