Centrais organizam Assembleia da Classe Trabalhadora dia 20/2

As centrais também indicaram que serão organizados atos em todas as capitais do país em defesa da aposentadoria.

“A ideia é que os estados intensifiquem a mobilização e diálogo com a base para que ocupemos as ruas neste dia e alerte o nosso povo sobre o que está em jogo com a ameaça de Reforma da Previdência que, desde a gestão Michel Temer, vem sofrendo com sucessivos ataques˜, destacou Wagner Gomes, secretário geral da CTB Nacional.

Ele informou que por enquanto o Fórum das Centrais aprovou a orientação de mobilização de todas das bases, com realização de assembleias e plenárias.

O Fórum das Centrais ainda aprovou a elaboração de um documento em conjunto com o Dieese que será aprovada na grande assembleia pública que será realizada em São Paulo.

São Paulo

Entre as bandeiras que serão levadas para a rua no dia 20 de fevereiro está o alerta de privatização e fim da Previdência Social pública, o perdão da dívida dos devedores e as denúncias de abusos nas operações pente-fino das gestões Temer e Bolsonaro que tem condenado trabalhadores e trabalhadoras a voltar ao trabalho sem condições clínicas adequadas.

“A mobilização da CTB São Paulo começa a partir de agora. Iremos fazer uma intenso corpo a corpo em nossa base, conversar com cada um e com cada uma sobre o que está em jogo. Lembrando que nossa luta não é somente contra a proposta de Guedes e Bolsonaro, temos também aqui duas lutas que correm juntas com esta: o SampaPrev e a ameaça de privatização do Metrô. OS servidores públicos e os metroviários convocaram greves, dia 4 e 5 de fevereiro, respectivamente, aços que serão um esquenta para o dia 20.

Fonte: CTB

Artigos relacionados

Destaques

Festival pela Democracia unirá educação e cultura em SP

 Nos dias 31 de janeiro e 1º de fevereiro, a Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (SP), na capital paulista, reúne professores, estudantes e pessoas envolvidas com produção

Destaques

Formação Política e Sindical está na pauta da entidade

O presidente da Apropucc, Ednilson Arendit e as diretoras Eliane Rosandiski e Liliana Lima, junto da vice presidenta do Sinpro, Daniela Zancheta participam do “Curso Nacional de Atualização Política e Sindical:

Destaques

Campanha Salarial 2019: Educação Básica

Na primeira rodada de negociação da campanha salarial 2019 na Educação Básica, realizada nesta quinta-feira, 24, o patronal mostrou que ainda está sob o impacto da bem sucedida mobilização que

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!