Ato Contra a Reforma da Previdência em Campinas

Ato Contra a Reforma da Previdência em Campinas

O governo usurpador de Michel Temer, planeja enviar o projeto de Reforma da Previdência nos próximos dias, projeto este que colocará em vigor, entre outras medidas- o aumento da idade mínima para se aposentar; a redução do valor das aposentadorias; e o fim da aposentadoria por tempo de contribuição.

Não podemos permitir que a nossa aposentadoria fique a mercê dos interesses do mercado! Temos que lutar pela Previdência Social! Temos que garantir nosso direito de se aposentar! Diga não a Reforma da Previdência do Temer! O governo está gastando milhões e milhões com propaganda enganosa, pois o que essas medidas tem como objetivo é que a classe trabalhadora trabalhe até morrer, sem se aposentar!

Por isso no dia 05 de Dezembro, centrais sindicais e movimentos sociais estão chamando um dia de luta contra a reforma da previdência. Em Campinas não será diferente! Desde cedo, faremos um grande jornada de assembleias na cidade e um ato no centro.

As 17h, no Largo do Rosário, realizaremos um grande ato como forma de organizar e mobilizar a população para dizer um BASTA a mais este ataque ao povo trabalhador!

Venham todas e todos!

A luta continua! Nenhum Direito A Menos!

Confirme sua presença no ato, clique aqui.

Fonte: Frente Brasil Popular Campinas e Região

Artigos relacionados

Notícias

Dia 23/07 é prazo final para se sindicalizar e poder votar nas Eleições do Sinpro

O Sindicato dos Professores de Campinas e Região realizará entre os dias 23 e 27 de outubro deste ano, as eleições para a escolha da Diretoria para o triênio 2018-2021.

Notícias

Campanha Salarial 2017: a pauta está na mesa

Nossa Campanha Salarial 2017 está em curso. Nesta sexta-feira (16) as entidades patronais receberam formalmente nossa pauta de reivindicações, dando início às negociações para renovação de nossas convenções e acordos

Notícias

Educação Superior: SEMESP faz proposta de plano de saúde

Na sessão de negociação desta segunda feira, 12/03, participaram a Fepesp, representando os professores, e o SEMESP, representando a comissão patronal das instituições de ensino superior privadas. Os representantes do

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!