Vídeo do Conselho Nacional de Saúde diz que “O SUS não pode morrer”

O Conselho Nacional de Saúde (CNS) divulga vídeo sobre a campanha “O SUS não pode morrer”, explicando que o Sistema Único de Saúde (SUS), instituído pela Constituição de 1988, é um dos maiores programas de saúde pública do mundo, mas corre sérios riscos com o governo golpista de Michel Temer.

“Desde que a presidenta Dilma Rousseff foi deposta, o Ministério da Saúde vem privilegiando propostas que beneficiam os planos de saúde, cortando investimentos na saúde pública e sucateando o SUS, que é essencial para a vida de todos os brasileiros”, afirma Elgiane Lago, secretária da Saúde da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB).

Ela chama a atenção para uma petição pública em defesa do SUS. “Na Semana da Saúde faremos todos os esforços para reforçar esse abaixo-assinado. Participe você também”, pede Lago.

Assine a petição aqui.

Assista o vídeo do CNS em defesa do SUS

Fonte: Portal CTB (Marcos Aurélio Ruy)

Artigos relacionados

informativos

Carta de Córdoba reafirma defesa da Educação Superior como direito universal

A educação superior na América Latina e no Caribe é um bem público social, um direito humano universal e um dever dos Estados-nações. Essa premissa é o que reitera a

informativos

Se a inflação está baixa, por que o custo de vida não cai?

por Dimalice Nunes A queda nos preços dos alimentos puxou o índice para baixo, mas os aumentos do gás, dos combustíveis e dos planos de saúde pesam para o consumidor

informativos

Intensificar a mobilização, preparar a Marcha para Brasília

A Contee chama todas as entidades filiadas, os professores e professoras, as técnicas e técnicos administrativos para participarem da marcha de trabalhadores para Congresso Nacional no dia 24 de maio,

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!