Censo traz retrato da educação superior do país

Além do avanço da educação a distância, o levantamento aborda formação de professores, permanência de estudantes, ingresso e inclusão, entre outros temas

A educação a distância foi o destaque do Censo da Educação Superior 2018, divulgado pelo MEC na quinta, dia 19 de setembro. Pela primeira vez, o número de vagas oferecidas a distância foi maior do que na modalidade presencial. Das 13,4 milhões de vagas oferecidas, 7,1 milhões são a distância, o que corresponde a cerca de 53% das vagas ofertadas. Na modalidade presencial, são cerca de 6,3 milhões de vagas.

Mas o que isso significa? E o que o avanço da educação a distância diz sobre a educação superior brasileira? O fortalecimento da EAD abre um leque de pautas que merecem aprofundamento, a fim de se compreender melhor como esse processo está ocorrendo e quais os efeitos pode desencadear. Além disso, com base nos dados do Censo é possível fazer matérias sobre outros temas relacionados à educação superior, como formação de professores, permanência de estudantes, concentração da oferta da EAD e inclusão.

É o que mostra a editora pública da Jeduca, Marta Avancini, no vídeo a seguir.

Fonte: Jeduca (Imagem Capa: Divulgação/MCTIC)

Artigos relacionados

Notícias

Coordenador-geral da Contee convoca trabalhadores a manter paralisação contra a reforma da Previdência

O coordenador-geral da Contee, Gilson Reis, convocou os trabalhadores da base da Confederação, professores e técnicos administrativos que atuam na educação privada, a manter a paralisação convocada para a próxima

Notícias

#13A – Dia Nacional de Luta pela Educação e Aposentadoria (Campinas)

As Centrais Sindicais, Movimentos Estudantis, Movimentos de Moradia e demais Movimentos Sociais estão organizando o dia 13 de agosto (#13A), o Tsunami da Educação. Será um dia de atos, mobilizações,

Notícias

Eleições 2018: datas de debates entre presidenciáveis

Faltam 13 dias para o primeiro turno das eleições para presidente da Presidência da República. Desta vez, concorrem ao pleito os candidatos: ALVARO DIAS (PODEMOS), CABO DACIOLO (PATRIOTA), CIRO GOMES (PDT),

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!