Palestra: Administração Sindical em tempos de crise: formas de enfrentamento

“Administração Sindical em tempos de crise: formas de enfrentamento” é o tema da palestra organizada pelo CES (Centro Nacional de Estudos Sindicais e do Trabalho). Será no dia 4 de outubro (quarta-feira), às 19h, no salão do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil.

O palestrante será o sociólogo e assessor técnico do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), Victor Gnecco Pagani.

O evento é gratuito e direcionado aos dirigentes, assessores sindicais, funcionários das entidades, militantes e demais interessados.

Para garantir a vaga o participante deverá enviar um e-mail para inscricao@cesforma.org.br, com nome completo, nome da entidade a qual pertence, telefone e endereço eletrônico. São oferecidas 80 vagas, que serão preenchidas conforme ordem de inscrição. O prazo final é dia 29 de setembro.

O Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil fica à Rua Barão de Jaguara, nº 704 – Centro de Campinas/SP. E a organização da palestra é do CES, Apropucc, SEAAC e Sinpro Campinas.

Confirme presença na página do evento no Facebook, clique aqui.

Mais informações em www.cesforma.org.br ou (11) 3101-5120 ou (19) 98138-9001.

 

 

 

ces_debate

Artigos relacionados

informativos

Nota Pública da APROPUCC repudia ataques violentos ocorridos em escolas públicas

A diretoria da APROPUCC vem a público expressar a mais profunda consternação diante dos ataques violentos ocorridos em duas escolas públicas nos últimos dias, uma em São Paulo e outra

informativos

Coronavírus: Comunicado da Apropucc – 20/04/20

Seguindo o calendário do governo Estadual, a PUC-Campinas anunciou a prorrogação da quarentena para 10/05. Dessa forma, entramos na 6ª semana de Isolamento Social devido à Pandemia do Coronavírus (Covid-19). Atentos

informativos

Professores que não receberam as férias na data correta devem procurar o Sinpro

A CLT e as Convenções Coletivas de Trabalho dos Professores determinam o pagamento do salário de férias e o adicional de 1/3 em até 48 horas antes do início das

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!