Apropucc na luta contra a violência à mulher

10 de outubro é o Dia Nacional de Luta contra a Violência à Mulher. Em 1980 a data foi marcada com um movimento que começou em São Paulo, quando mulheres reuniram-se nas escadarias do Teatro Municipal para protestar contra o aumento dos crimes de gênero em todo o país. A partir daí, a data faz parte do calendário de lutas feministas no Brasil.
E foi em 2016 que essa luta avançou com a garantia de uma importante legislação, a Lei 11.340, mais conhecida como Lei Maria da Penha, considerada um marco no combate à violência doméstica e familiar contra as mulheres.Mas apesar dessa grande conquista, ainda há uma banalização da violência contra a mulher.
A Apropucc tem um compromisso de apoiar e cobrar o cumprimento efetivo da Lei Maria da Penha, a fim de alterar os comportamentos de violência contra as mulheres e responsabilizar os agressores. Eliminar todas as formas de violência contra as mulheres e meninas e combater as desigualdades de gênero é uma das lutas travadas pela diretoria da entidade.
Basta de violência!BANNER_violencia_contra_mulher

Sobre o autor

Artigos relacionados

informativos

Comunicado | Entenda os detalhes a respeito do cálculo sobre Acordo da Convenção Coletiva

CLIQUE AQUI para ler o Comunicado explicando os detalhes a respeito do cálculo sobre Acordo da Convenção Coletiva. Caso persistam dúvidas, os/as docentes podem procurar os/as representantes da APROPUCC, do

informativos

Psicodrama Público – Teatro da Vida: “O que eu deixo e o que eu levo para 2016”.

Na próxima quinta-feira (12), das 19 às 21, no Sesi Amoreiras, ocorre mais um encontro de Psicodrama Público – Teatro da Vida sobre o tema “O que eu deixo e

informativos

Diretora da Apropucc participa de live que discutirá pandemia, EAD e mercantilização do ensino superior

A Associação Brasileira de Psicologia Social – Núcleo Sorocaba (Abrapso) realiza nesta quinta-feira (15/08), às 16h, a live “Pandemia, Educação a Distância e Mercantilização do Ensino Superior: A Falácia do

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!