Apropucc na luta contra a violência à mulher

10 de outubro é o Dia Nacional de Luta contra a Violência à Mulher. Em 1980 a data foi marcada com um movimento que começou em São Paulo, quando mulheres reuniram-se nas escadarias do Teatro Municipal para protestar contra o aumento dos crimes de gênero em todo o país. A partir daí, a data faz parte do calendário de lutas feministas no Brasil.
E foi em 2016 que essa luta avançou com a garantia de uma importante legislação, a Lei 11.340, mais conhecida como Lei Maria da Penha, considerada um marco no combate à violência doméstica e familiar contra as mulheres.Mas apesar dessa grande conquista, ainda há uma banalização da violência contra a mulher.
A Apropucc tem um compromisso de apoiar e cobrar o cumprimento efetivo da Lei Maria da Penha, a fim de alterar os comportamentos de violência contra as mulheres e responsabilizar os agressores. Eliminar todas as formas de violência contra as mulheres e meninas e combater as desigualdades de gênero é uma das lutas travadas pela diretoria da entidade.
Basta de violência!BANNER_violencia_contra_mulher

Sobre o autor

Artigos relacionados

informativos

Escolas não podem utilizar banco de horas para compensar emendas de feriados

Professores que trabalharem fora do horário contratado devem receber horas extras A adoção do banco de horas feita por algumas instituições de ensino para compensar emendas de feriados não está prevista

informativos

Cineasta Carlos Pronzato fala da nova obra sobre os cem anos da greve geral de 1917

Argentino radicado no Brasil desde os anos 80, o cineasta Carlos Pronzato é um dos principais documentaristas da atualidade, com foco em temas populares e processos de lutas, entre eles

Notícias Gerais 0 comentários

Editorial

Prezado(a) professor(a), Após um ano de intensas atividades e a necessidade de colocar nossa casa/sede em ordem, a Apropucc inicia o ano de 2015 com participação ativa no planejamento da

0 comentários

Nenhum comentário

Você pode ser o primeiro a comentar esta matéria!